Você está aqui: Entrada / Notícias / DONA ONETE

DONA ONETE

A grande dama da canção da Amazonia apareceu como um cometa no panorama da musica brasileira e na área das musicas do Mundo gravando algumas das mais belas composições da região do rio Amazonas ( a sua região natal ) a que adicionou ainda uma série de carimbós , bangués ,canções de boi-bumbá e canções bregas ritmos que afinal de contas fazem parte do seu dia-a-dia musical e do seu habitual reportório de palco e festas ;poderemos imaginar que é impensável que um qualquer artista ,seja de que latitude for ,grave o seu primeiro disco com a proveta idade de 73 anos ,mas , inacreditavelmente ,foi isso o que sucedeu com Dona Onete ( 18 de Junho de 1939) na altura uma perfeita desconhecida , mas que de repente há meia dúzia de anos atrás e mercê da edição de “Feitiço caboclo” rebentou todas as escalas de popularidade e rompeu preconceitos racistas e elitistas somente com esse surpreendente ,imediatista e bem sucedido lançamento discográfico. Agora seis anos volvidos sobre essa histórica primeira edição a cantora surge de novo com o disco “Banzeiro” onde continua a sua saga de nos brindar com o melhor que as melodias do seu País natal , e não só, podem proporcionar-nos em termos musicais ;assim desta vez propõe-nos um reportório ,estilisticamente menos alargado e mais selectivo , que vai dos carimbós aos bangués e aos boleros num percurso geográfico e humano que rítmica e musicalmente viaja desde os indígenas nativos do Brasil aos escravos africanos e aos caribenhos. Partindo de um reportório mais divertido e inventivo onde se misturam malícia e um certo picante literário a nativa de Cachoeira do Araui , que demorou uma vida a revelar-se cantora ,continua a surpreender com a sua voz rouca mas sensual e até promete para breve seduzir-nos com novas gravações em incursões pelo reportório do folclore propriamente dito e da área carnavalesca, áreas com que afinal de contas ela está bem familiarizada pois durante anos fundou e organizou grupos de dança folclórica e outros da área dos cortejos carnavalescos ,isto após se aposentar como secretária de cultura e professora ,profissões que durante anos exerceu. CD Maisumdiscos/Megamusica
classificado em: